Polícia

Churrasco, cerveja e celular no presídio

Vídeo gravado dentro da casa prisional circula nas redes sociais

Créditos: Caroline Garske
LAJEADO: Susepe vai abrir sindicância para apurar o caso no presídio - Lidiane Mallmann

Lajeado - Churrasco, cerveja, música e celular. Estas são algumas das características presentes em um vídeo que tem circulado nas redes sociais nos últimos dias. No vídeo, gravado por um celular, um detento do Presídio Estadual de Lajeado mostra o momento com cerca de dez presos, onde há churrasqueiras com carne assando, enquanto os homens tomam cerveja em latas. O cenário é registrado por um celular, aparelho proibido em casas prisionais.
Enquanto filma, o detento, que está com o celular na mão, ironiza a situação e afirma que para ficar melhor seria preciso uma piscina. "Que vidinha mais ou menos que eles 'tão'. Parece que 'tão' se embolando que querem uma piscina agora aí. Assim não 'tá' legal, eles querem uma piscina."
Segundo o assessor da Superintendência dos Serviços Penitenciários (Susepe), Paulo Bogado, na manhã de hoje, o superintendente Mário Santa Maria Júnior deve esclarecer e dar uma posição sobre o caso. "Vamos apurar com uma sindicância. Não pode fazer comida dentro de um presídio, é isso que o superintendente está tentando entender e apurar. Não se pode fazer churrasco. Eles estão sendo punidos e não estão em um lugar de festa", declara Bogado.

Saiba Mais

Segundo a Lei nº 12.012 de 2009 é crime o uso de celulares em presídios. De acordo com o artigo 349, ingressar, promover, intermediar, auxiliar ou facilitar a entrada de aparelho telefônico de comunicação móvel, de rádio ou similar, sem autorização legal, em estabelecimento prisional é crime, sujeito a pena que varia entre três meses a um ano de detenção. A lei coloca também, que o detento que portar aparelho celular pode ser punido com isolamento, além de ter agravante para o benefício da progressão da pena.

Comments

SEE ALSO ...