Geral

Canudos do Vale festeja 22 anos

Emancipado de Lajeado em 16 de abril de 1996, o município comemora hoje o 22º aniversário. Na entrevista a seguir, o prefeito Luiz Alberto Reginatto (PMDB) destaca as realizações e projeta o futuro do município

Créditos: Alício de Assunção
GESTORES: vice-prefeito Vilson Pedro Schmitt e prefeito Luiz Alberto Reginatto - divulgação

O Informativo do Vale - O que Canudos do Vale pode comemorar em seu aniversário?
Luiz Alberto Reginatto - Podemos comemorar a independência administrativa de Canudos do Vale, uma vez que a partir do momento que nos instalamos como ente municipal da federação, os recursos são direcionados para nosso município e aplicados diretamente em saúde, educação, obras, agricultura, infraestrutura e outras áreas de interesse da coletividade. Comemoramos, pois com a autonomia de nosso município, investimos em educação, com a construção de escolas e creches novas, disponibilizando atendimento estudantil de ótima qualidade, com profissionais capacitados. Oferecemos, ainda, merenda e transporte escolar a todos os estudantes. Comemoramos, pois temos médicos, enfermeiros, odontólogos e demais profissionais da saúde, postos à disposição de nossa população e ainda temos Unidade de Saúde própria construída e reformulada de acordo com as necessidades da coletividade. Ainda, temos convênios com hospitais referência na região e no estado para atendimento de casos de maior gravidade.

Comemoramos, pois com a emancipação político-administrativa conseguimos realizar ações que vão ao encontro dos anseios de nossa população, mais especificamente às voltadas a agricultura e às obras. Neste particular, podemos citar alguns dos diversos programas disponibilizados aos produtores rurais, como o subsídio de horas máquina, subsídio para aquisição de sementes de forrageiras, subsídio para construção de aviários e chiqueirões, subsídio nos atendimentos veterinários e inseminações artificiais, dentre outros tantos. Nas obras, podemos citar como principais investimentos, a execução de asfalto em praticamente todas as ruas da zona urbana, que beneficia toda população e torna a cidade mais bela e desenvolvida. Ainda podemos citar a construção e abertura de estradas vicinais, o que viabiliza o escoamento da produção, fazendo com que nosso agricultor agregue valor ao seu produto e fique no campo. E, para que isso aconteça, o município ainda adquire equipamentos agrícolas e repassa às comunidades como forma de fomentar ainda mais a produção agropecuária, melhorando as condições para o manejo da terra.

Comemoramos, ainda, pois adquirimos equipamentos e máquinas rodoviárias novas, com o objetivo específico de atender as necessidades da nossa comunidade sem precisar esperar por períodos longos de tempo, como era no passado.

O Informativo do Vale - O que a comunidade pode esperar para os próximos anos de sua gestão?
Reginatto - Para os próximos anos de nossa gestão, pretendemos dar continuidade a todos os programas que ora aplicamos em nosso município, e, na medida do possível, aprimorá-los, tendo em vista o bem-estar de todos.

O Informativo do Vale - Como o senhor projeta Canudos do Vale para a próxima década?
Reginatto - Para os próximos dez anos, se vislumbra um município com educação de ótima qualidade, com profissionais dedicados e qualificados e escolas padrão. Saúde diferenciada em função do ótimo atendimento disponibilizado à população. Zona rural e urbana cada vez melhor, uma vez que se aplicam, todos os anos, expressivos valores do orçamento anual em investimentos no meio rural, construções, asfaltamento e conservação de estradas, dentre outras tantas atividades. Acredito que novos investimentos privados possam surgir, uma vez que Canudos do Vale tem grande potencial para pessoas investirem. Tem muitas ações de qualidade na área da saúde, educação, agricultura e infraestrutura, o que hoje é de se considerar. É o que é principio fundamental para uma vida com dignidade.

O Informativo do Vale - Uma mensagem para a comunidade
Reginatto - Ao povo canudovalense, expressamos nossos agradecimentos e felicitações pela passagem de mais um aniversário de emancipação político-administrativa. A força do trabalho faz com que hoje possamos ver as transformações ocorridas durante o transcurso deste período de gestão municipal própria. Que todos nós acreditemos que é com trabalho, dedicação e amor ao local onde se vive que o transformamos no melhor lugar para se viver.

Natureza e romaria atraem visitantes


Privilegiado por uma natureza exuberante, o município se destaca por locais dotados de rara beleza, como cascatas e o Arroio Forquetinha, que corta boa parte do município. Entre esses atrativos, o destaque para a Cascata do Trovão, localizada a 6 quilômetros do centro da cidade, às margens da rodovia que faz a ligação com Boqueirão do Leão. Uma placa indica o acesso, que é feito por meio de trilha de cerca de 400 metros, aberta recentemente, que requer muito cuidado, já que o terreno é íngreme, mas que compensa todo o esforço para a contemplação das águas do Arroio Forquetinha que descem de uma altura de 20 metros, misturando-se aos sons dos cantos de pássaros. Destaque também para a Festa e Romaria de Nossa Senhora de Caravaggio, que atrai milhares de participantes à localidade de Rui Barbosa, no segundo domingo de fevereiro.

 

A paixão para ensinar música



Nascido em 1959, em Canudos do Vale, Dério Marchi, sempre morou na cidade. Professor de música, é responsável pela formação de mais de mil alunos em pouco menos de duas décadas, entre gaiteiros, violonistas e integrantes de corais e bandas. Seja em uma das salas de sua residência, que mais se parece com um Centro de Tradições Gaúchas (CTG), ou em escolas e comunidades de municípios, como Marques de Souza, Pouso Novo, Sério, Lajeado, Arroio do Meio, Gramado Xavier ou Progresso, Marchi dedica a maior parte de seus dias para ensinar a arte de tocar instrumentos, principalmente gaita e violão, além de técnica vocal. Alguns de seus alunos hoje integram bandas e conjuntos da região. "Cada vez que um aluno abre o fole da gaita e faz ecoar um som de música gaúcha, sinto-me realizado pois vejo ali a dedicação e a continuidade de um trabalho que faz a cultura de nossa terra se perpetuar. Quando os vejo num palco, então, a emoção é ainda maior, pois vejo ali o resultado de compartilhar meus conhecimentos", comenta.

Casado com Nadir, que sempre lhe acompanha, Marchi vê também na família a continuidade de seu trabalho. Ele é pai de quatro filhos. O mais velho, Jonathas, seguiu a carreira do pai e integra o conjunto Garotos do Pampa. Sobre Canudos do Vale, Marchi diz que a emancipação há 22 anos foi o que de melhor poderia ter acontecido. "Após isso, veio o asfalto e o desenvolvimento. A cidade ainda é pequena, mas isso nos trás tranquilidade e segurança. Aqui todos se conhecem e é um ótimo lugar para se viver."

Comentários

VEJA TAMBÉM...