Esporte

Aemaso discute Municipal de 2018

eunião entre a Aemaso e representantes das equipes discutiu detalhes da competição do próximo ano


- Aemaso/divulgação

Marques de Souza - A Aemaso esteve reunida com as equipes do município para discutir o retorno da disputa do municipal amador de futebol de campo. No encontro, a direção da entidade sugeriu algumas mudanças, que foram bem aceitas pelos dirigentes dos clubes que participaram da reunião.


Estiveram representados o Bragantino, de Linha Perau; SER Picada Flor, de Picada Flor; Brasil, da Sede; Juventus, de Linha Tigrinho; Cruzeiro, de Linha Bastos; Nova Aliança, de Linha Atalho, Juventude, de Linha Orlando; União, de Tamanduá; Grêmio, de Picada May; e Guarani, de Bela Vista do Fão.


As sugestões da Aemaso são de que cada equipe poderá inscrever 25 atletas, sendo cinco de fora do município, mas somente três assinando a súmula a cada jogo. Ficou definido ainda que a Associação montará duas seleções com 12 atletas sub-23 e sub-24 atletas força livre, e cada clube poderá inscrever dois sub-23 e sub-24 força livre dessa lista. E que cada time será obrigado ainda a usar, por jogo, um atleta com idade acima de 37 anos. O valor dos ingressos será de R$ 3 a 5 e o início do Municipal está previsto para o final de fevereiro de 2018.


A reunião definitiva será realizada no próximo dia 13 de dezembro, na sede do Brasil, a partir das 20h. No encontro, será apresentada a lista com os nomes dos jogadores selecionados e as equipes poderão retirar as fichas para inscrever os atletas.


O presidente da Aemaso, João Jung, esclareceu também que a ficha junto a Aslivata terá o valor de R$ 15 e valerá para o ano todo.

Comentários

VEJA TAMBÉM...